quarta-feira, 25 de junho de 2014

PREPARA O GOL, NARRADOR!!

UM BLOG MUITO BONITO, MAS SEM UM BOM TEXTO E NENHUM CONTEÚDO
VAI SERVIR APENAS PARA SER VISTO E LOGO ESQUECIDO.
SIMPLESMENTE PORQUE TODO MUNDO NÃO VAI ENCONTRAR NELE
NADA DE BOM PARA SER SEMPRE LIDO.




TORÇA PELO BRASIL, MAS NÃO MORRA.
GANHAR E PERDER, TEM TUDO À VER.
O QUE NÃO TEM, É O JOGO DA VIDA VOCÊ PERDER.





GALVÃO BUENO.
ATÉ QUANDO!?
SERÁ QUE O BRASIL VAI NOS FAZER SURPRESA 
NESTA COPA DAS ZEBRAS?

     "Olhe o gol, olhe o gol, olhe o gol!"..." Goolllllllllllllllll!!... É do Brasil!..."
     Amo - aliás, todos nós amamos - quando ouço esta frase (já famosa) nos jogos da Seleção Brasileira. Seja, ou não, em Copa do Mundo ou num simples amistoso, é sempre muito gostoso. Com o resultado dos últimos jogos da primeira fase do mundial, não deixa de ser inusitado inquietar-nos, neste momento, com o que poderá acontecer com a nossa Seleção. Na última segunda -feira, soltamos o grito de gol várias vezes, com a maior empolgação e satisfação.  (Fogos iluminaram os céus e buzinas ensurdeceram as ruas, num espetáculo de extrema cidadania e entusiamo democrático futebolístico).Comemos Camarões com azeite de dendê e leite de côco (prato típico de minha querida terra natal, Camamu, na Bahia), frito no alho (como tiragosto) e, mais sofisticadamente, num belíssimo risoto. A orgia gastronômica - com o camarão como prato principal - foi por nossa conta. (Será que vamos conseguir fazer os nossos outros comensais nos engolir nas oitavas e nas quartas de final?)... A Seleção passou por todo tipo de "tendinite", "bursite", "sinusite"... A Croácia!!... E agora?... Não podemos adoecer, quando já estamos às portas de encarar a porta de saída do hospital ( estádio) com a "alta" (perdão, taça) na mão. Vai ser a mesma coisa que voltar e dizer ao nosso médico que ele esqueceu, Seleção, de aplicar a última injeção!...
     A nação brasileira - tão problemática, social e econômicamente falando, apesar dos (iludidos) eleitores se deixarem comprar com uma pseudo-socialização (de quem? do que? quando?) que os fáz imaginar estar "crescendo" (só se for em excesso de trabalho que não é reconhecido e muito menos BEM recompensado) - vive, com a Copa do Mundo, dias de protagonista com um elenco coadjuvante estelar formado por vários países... (?)... Estamos sendo o centro das atenções até o próximo dia 13 de julho. A América está com tudo. Será que - a exemplo do Papa (argentino) Francisco - vai sair daqui o novo campeão mundial? Só Deus - Ele que tem a nossa sorte, o nosso destino, nas suas mãos; e os árbitros se não roubarem - dirá!... Uruguai, na última quinta-feira (dia 19), "deu na cara" (de uma forma fantástica) da Inglaterra com o poder de superação de um guerreiro que tirou da dor... o GOL!!: Luizito Suárez. Belo exemplo de quem sabe o que fáz, conhece o seu potencial e prova ser o diferencial... Mas, vamos pedir a Deus que - ao menos nesta Copa do Mundo - os céus não queira lhe recompensar por tanto sofrimento, por (quase) estar à beira de não vir disputar o Mundial. Que ele seja abençoado de outra forma. Já pensaram? O Uruguai na final? Seria o caos!... "Vale a pena Ver de Novo" da final de 1950?... A não ser que os céus estejam - se tanto o Brasil como o Uruguai forem os dois predestinados para estar no Maracanã, no próximo dia 13 - reservando uma, digamos, revanche. Mas, o certo, é que muita água ainda vai rolar. E muita bola os jogadores ainda terão de jogar para se classificar. E, quem for mais competente, chegar lá!...
     O Brasil vai chegar - esperamos, caríssimos muchachos - as oitavas, as quartas... a sala, à cozinha, a copa... (?)... Mas, aí é que fica a dúvida: de que cores esta copa será pintada?... Teremos, na grande final do mundial de 2014, um entusiasmadíssimo grito de GOLLLLLL; ou, simplesmente, um frustado (e decepcionante) engasgado (como de gato escaldado) "gol" por ser outra Seleção que vai fazer a decoração desta Copa?... Os pintores - Neymar, Daniel Alves, David Luiz, Ramires, Júlio César, Huck, e todos os outros - estão à postos para definir qual cor irá embelezar o cenário do Maracanã. Vão dizer se eles estão mais para Van Gogh, ou um simples pintor de paredes. Dizem - e é verdade - que o frio torna as pessoas mais elegantes. Mas, oxalá (tomara) que, no dia da final - em pleno inverno brasileiro - o clima seja quente para a nação verde e amarela. (Se depender do entusiasmo do povão, que nunca perde o grito no gogó e as bandeiras na mão!...). E que o grito de gooollllll do nosso narrador-mór tenha mais valor. Galvão Bueno é a marca da fera.
     Sempre tão entusiasmado e sorridente, ciente (e crente!) das possibilidades do elenco formado pelo religioso Felipão. Scolari - bem escolado no assunto - orquestrando e Galvão Bueno o jogo da Seleção narrando. Dupla perfeita. Aliás, perfeitíssima. Claro! Nasceram para SER com o trabalho que sabem FAZER. E, assim como tem o homemzinho que nasce para apenas NADA SER, tem o GRANDE HOMEM que - pode demorar anos - mas vai morrer SENDO TUDO, uma MARCA, um NOME, uma BANDEIRA. Pois é. Tem GENTE que morre como uma bandeira: sendo eternos. (Ou vão me dizer que todo mundo pode ser assim?). Scolari e Galvão são dois BANDEIRÕES do esporte brasileiro. O nome deles vai tremular por várias gerações.
     Vamos, brasileiros, torcer para que tudo corra bem até o próximo dia 13. (Se depender da força, do poder, e da sorte do nosso" azarão" sortudo, por causa do 13, chamado Zagallo...). Eu já disse, e repito incansáveis vezes, reafirmando categóricamente, que o Brasil tem obrigação moral de vencer este mundial. Galvão Bueno vai fazer a sua parte: a vocal. Se depender do seu potencial, claro que a Seleção - em casa - vai ser (mesmo?) o diferencial...
     Galvão Bueno - esta é a impressão que tenho - deve ter estudado na escola de Léo Batista. Outro GRANDE do futebol. A felicidade de um ao falar da Seleção é a mesma capacidade do outro com o vozeirão.
     Na Copa de 2010, na África do Sul, Galvão Bueno passou por momentos dificílimos, quando - apesar de nunca ter perdido o bom humor - foi achincalhado (nos jogos, na imprensa, nos programas humorísticos) por causa do tal movimento " Cala a Boca, Galvão", no Twiiter. (Quem não se lembra?). Hoje, como fáz todo HOMEM superior que não se incomoda com o que vem de baixo, nem olha, e muito menos dá atenção a opinião da ralé baixa e desclassificada - "os cães ladram e a caravana (como eu faço quando passo e de mim falam, porque fui, sou e sempre serei superior, acima da mediocridade, me igualando no mesmo patamar da genialidade) passa" , frase clássica do mestre do colunismo, Ibrahim Sued, repetindo um pensamento (citação) de sua terra natal - Bueno esqueceu das críticas dos invejosos e detratores de plantão, provando que (como eu sempre digo) hoje, amanhã ou depois, quem nasceu para ser GRANDE por causa do seu trabalho relevante, um dia vai ser - quer queiram ou não, pois Deus não vai dar talento, competência e capacidade à toa - muito importante. Uma MARCA, enquanto os demais, nada mais serão do que simplesmente nomes desimportantes. Ele é "dado" a gestos grandiosos, inusitados, como - na Copa de 2002, na Coréia do Sul e no Japão - pedir aos telespectadores para piscar as luzes de suas casas durante os jogos que eram transmitidos pela madrugada. Contratado pela Globo com um salário milionário - cadê os tuiteiros que o achincalhou, criticou, ridicularizou? estão aonde? ganhando quanto? com que marca e nome? - mora em Mônaco e tem residências no Rio de Janeiro e no Paraná. Nada que fosse - tuiteiros invejosos e despeitados - comprados em mil prestações, em décadas de vida. "É do Brasil!"... "É do Brasil!"... Tomara, Galvão, que este seu grito ímpar seja ouvido na grande final. Mas, cá entre nós, muchacho... A coisa tá perigando, não tá, não?... Com tanta zebra dando o ar da graça neste campo de desgraça que se transformou alguns jogos da Copa deste ano... Queira Deus que esta zebra "assombrosa" seja, definitivamente, despachada para os quintos... do próximo zoológico!... 
     O "artista" Carlos Eduardo dos Santos Galvão Bueno nasceu no Rio de Janeiro (não poderia ser baiano?), em 21 de julho de 1950. Começou em 1974 numa rádio paulista e hoje é um dos maiores narradores esportivos do mundo. Um mestre no tema futebol. E como - existe escola para narrador de futebol? - mestre, ele dá aula, a cada jogo, com o microfone na mão, em frente a câmera de televisão. É - reitero - como eu sempre digo: quem é bom já nasce feito e morre mais do que perfeito, sem precisar de escola para lhe apontar os defeitos. É como o escritor. (Tem escola para, com as palavras, milhares delas, num único texto, você dar um show de bola?). Já nasce predestinado e por Deus abençoado com este dom de semi-deus: criador. Claro que com o tempo, a experiência, trabalho após trabalho - a técnica, o estilo vai se aperfeiçoando . Eu, sem falsa modéstia, por exemplo. Jamais cursei a faculdade de Comunicação (Jornalismo), mas dou na cara de muitos diplomados que estão por aí.  Galvão Bueno é um mestre, porque sabe o que diz. E o que ele fáz é muito bem feito. A TV Globo "deu um show de bola" quando o contratou. Claro! A emissora dos Marinho sempre teve o bom senso de reconhecer um excelente profissional. Na co-apresentação do Jornal Nacional, ao lado da belíssima Patrícia Poeta, ainda fica um pouco "travado". Solta a franga, leão de rugido poderoso! Sábado vem aí, hein! Quero lhe ouvir à quilômetros de distância... 
     Voltando a Copa do Mundo... Uma pergunta se fáz necessária e não quer calar: quais são as nossas (reais) possibilidades?... (Já que o inesperado, as surpresas e zebras, estão acontecendo a cada jogo)...  É não perdendo a essência do futebol arte que iremos responder tal questionamento. O cerco está se fechando. Estamos chegando na hora de duelar, guerrear, focar e nosso objetivo alcançar. Com pressa. Porque a Copa tem data para acabar. Vamos acreditar que vai dar. E, como diz São Francisco de Assis, é dando que se recebe... Neste caso, a taça de melhor - pela sexta vez - do Mundo. Com o arrefecimento de valores fundamentais - como honrar a camisa que veste e a chuteira que calça, neste caso mais do que específico - é que não vamos, sem dúvida alguma, erguer a taça. A população brasileira está fazendo a sua parte. Não é mais comemoração. É uma devoção ao verde-amarelo. É a fúria de um povo entusiasmado que está se deslocando aos estádios. Estamos nos (parece) transformando em neobárbaros do futebol. (Se é que me entendem!)... A bola transformou-se na nossa arma e a bandeira no nosso escudo.
     Au-revoir para todos que me criticam ou aplaudem. Na próxima semana (acredito que voltarei ao dia original, quinta-feira), se Deus quizer, aqui estarei. Eu aqui e vocês daí. C'est la vie!

RENÉ SANFERR, 25.06.2014

a ESFINGE:
(UMA CITAÇÃO É APENAS A OBSERVAÇÃO DO PENSADOR
SOBRE FATOS, PESSOAS E ACONTECIMENTOS.
E, NA MAIORIA DAS VEZES, O AUTOR NÃO COMPARTILHA DA MESMA OPINIÃO
SOBRE O QUE FOI POR ELE OBSERVADO, ESCRITO E PUBLICADO)
"Quem é bom já nasce feito e morre mais do que perfeito sem precisar de escola para lhe apontar os defeitos".

RENÉ SANFERR, 20.08.2013

OPORTUNIDADE É O QUE PRECISA QUEM TEM TALENTO DE VERDADE
PARA MOSTRAR TODO SEU CONHECIMENTO E CAPACIDADE.


"SINAL VERDE,
 sinal vermelho".

..... na última quinta-feira, dia 19.06, dia de CORPUS CHRISTI, não foi (apenas) mais um feriado. Mas, sim, um dia para REPENSARMOS que legado de fé e caridade vamos deixar como filhos e herdeiros do Corpo de Deus. Pois é! Falamos tanto n'Êle. Vamos tanto á igreja. Ajoelhamos tanto para rezar, para, ao sair de lá... JULGAR, CONDENAR e não AJUDAR o nosso irmão que, humilhado e necessitado, na porta do templo está a nos esperar para o que nos pede lhe dar. Somos como os vendilhões do Templo: falsos, hipócritas. Pedimos para Deus nos ajudar quando precisamos. E quando o outro precisa você ajuda?... "Ah! Eu não dou esmola! Não sei para que ele quer!"... E o que você tem, é o que?! Esmola de Deus. Nada é seu, mal agradecido! Ele tem PENA - áquela mesma pena que você não tem do pobre que lhe pede - de você, de mim, de todos... e DÁ. E você não retribui. Porisso - hoje, amanhã ou depois - PASSA POR ISTO e AQUILO e se pergunta: "O que foi que eu fiz?"... Quer tudo para você. E NADA para os outros: DINHEIRO, ROUPA BONITA, SAÚDE, EMPREGO, CASA, CARRO... E se Deus lhe tirar, de uma hora para outra, tudo isto? Ele é misericordioso com todos... que são generosos, misericordiosos. Jesus Maria e José foram PAUPÉRRIMOS. Duas provas bíblicas irrefutáveis: JESUS nasceu numa gruta e foi sepultado num túmulo emprestado. E naquela época - assim como você tem hoje e não ajuda - tinha ricos, pessoas BEM DE VIDA, com posses. (Já imaginaram Maria Santíssima atravessando, a pé, todo o deserto para ir visitar sua prima Izabel? Certamente, mesmo sem Ela ver, o que tinha de ANJOS lhe acompanhando, afastando todo perigo)... E aí? Os ricos daquela era ajudaram Maria  a dar à luz? Ajudaram a Sagrada Família? Os acolheu em casa para JESUS não nascer numa gruta, numa manjedoura, ao lado dos animais?... Humanidade falsa, hipócrita! Se soubessem quem estava ali, necessitando... O povo virou a cara para Nossa Senhora. Menosprezou o Filho de Deus. Não estendeu a mão para o pai de Cristo!... Quanta humilhação! Quanto sofrimento! Quanta dor!... Viraram mesmo a cara para JESUS quando Ele morreu na cruz. Povo demoniaco! E depois dizem que a voz do povo é a voz de Deus. (Só maluco repete isso!). O povo que, falsamente, no Domingo de Ramos, estendeu os mantos para Ele pisar e... na Sexta-Feira Santa O mandou crucificar. Miseráveis! Filhos de Satã! Endemoniados!... E, ainda hoje - se JESUS aparecesse sem dizer que era Ele - voltariam a crucificar. Claro! Um maluco! Fora da realidade! Um pobretão miserável, sem (hoje) casa, carro, dinheiro, andando pelas ruas esfarrapado, dizendo coisas incoerentes, falando de um mundo que não é consumista, capitalista, mas sim espiritualista... Ele - assim como você vê o pobre de hoje, que lhe pede nas esquinas, encruzilhadas, portas das igrejas - foi visto assim pelos seus contemporâneos. Viraram a cara para o Filho de Deus. Você, hoje, vai pedir a Deus ajuda - sem ajudar aquele que, humilhado, chorando e massacrado, lhe pede - e Deus dirá: "Não posso. Sou misericordioso.  Mas não sou tolo, bobo". (SINAL VERMELGO)
..... PAULA FERNANDES - uma das GRANDES CANTORAS brasileira da atualidade - está vivendo um SÃO JOÃO de deusa. Mas, antes, já teve o seu dia "de JESUS na gruta, na manjedoura", menosprezada, sem ser ajudada... Hoje (aliás, o ano todo) está tendo todo o reconhecimento, agenda lotada e "enchendo as burras"... Depois de anos de muita DUREZA, SACRIFÍCIOS e HUMILHAÇÕES (recebendo até 30,00 reais por um show em barzinho, um lanche para ela e a mãe, mais nada), ela hoje tem o seu talento valorizado. Como ela sempre fala em suas entrevistas, DESISTIR foi uma palavra que nunca constou no seu dicionário. E se tivesse desistido? Não fosse determinada, obstinada e FOCADA no que sabia que um dia ia ser? Quem ela seria hoje? NADA. NINGUÉM. Uma profissional qualquer, de qualquer área, com um emprego sem nenhuma notoriedade, amargando com um salário pequeno e fazendo ginástica financeira para pagar um carro comprado em mil prestações, a casa com 30 anos para quitar, subindo e descendo e - pelo seu trabalho - ninguém lhe valorizando e reconhecendo. Quando se tem talento - nato e não fabricado - vai-se até o fim, sem desistir. Hoje, PAULA tem tudo isto. E mais um pouco. O QUE NUNCA TEVE ANTES. Comprado à vista, com apenas um ou dois shows. Então? Valeu ou não valeu a pena batalhar, guerrear contra TUDO e TODOS que diziam que ela não chegaria lá? (SINAL VERDE)
..... os jogadores das SELEÇÕES suíça e francesa, na última sexta-feira (dia 20) - depois da comparação do meu artigo sobre GRANDES e PEQUENOS da semana passada, da cabelereira medíocre de portinha desqualificada com o coiffeur dos maravilhosos cabelos arrumados - resolveram ENTRAR EM CENA (digo, gramado) com os cabelos maravilhosamente penteados. Só que a França - escandalosamente , com BEZEMA - esqueceu do pênalti ter treinado! (SINAL VERMELHO)
..... OBRIGADO a FEDERAÇÃO PORTUGUESA de FUTEBOl pela atenção dada ao meu ARTIGO com Cristiano RONALDO. NÃO SOU JORNALISTA. Sou blogueiro-colunista (e escritor!) escrevendo - ora, pois, pois! - sobre as pessoas que tem talento e fama. (SINAL VERDE)
..... gente, eu (vocês ja?) NUNCA VI UMA COISA DESSA!! O desespero de um goleiro: da Itália, ontem, saindo do gol para tentar dar o gol na outra rede. Dignidade é o lema para quem tem capacidade!! Não é por sair desta Copa - das surpresas e das zebras , como falei na semana passada, no artigo sobre CRISTIANO RONALDO (terça) - que a AZURRA vai se mostrar PEQUENA, por incapacidade!... Ou vai?... VOCÊS SÃO GRANDES. Perderam? Fatalidade. O que não falta a seleção italiana é qualidade. Cair é normal. O que é anormal é não ter classe para cair de pé. Esse comportamento - de não saber perder com elegância - é coisa da ralé. Que não tem título em NADA - de GRANDE. E nem ganha! (Não estou me referindo as SELEÇÕES ZEBRAS!). O Nada, Itália - para quem foi, é e sempre será TUDO - é apenas um acidente de percurso. Coragem, Azurra!! Avante! Não deu hoje, amanhã vai dar. Quem sabe, na Rússia, para a torcida você não se desculpa? (SINAL VERMELHO)
..... esperamos que a nossa presidenta DILMA ROUSSEFF, no Maracanã, na grande final da Copa do Mundo, compareça com todos os "rapapés" e "salamaleques" do cerimonial. Vaias, presidenta? E V. Excia. vai perder tempo com a demonstração de inveja e despeito da gentalha que não pode bater no peito para se orgulhar de ter feito parte da História?... EU NÃO VOTEI  na senhora -e, possívelmente, não IREI VOTAR - mas reconheço que, sob alguns aspectos, á uma grande ESTADISTA. Como ja disse no artigo (procurem aqui no blog) sobre AÉCIO NEVES, a senhora (mudando um pouco a sua plataforma e discurso político) seré reeleita. E ele (o candidato tucano) será PRESIDENTE  na próxima eleição. NESTA, de 2014, VOTAREI NELE. Mas - como nossa representante máxima - DEVO-LHE TODO O MEU RESPEITO, admiração e apreço pelas coisas boas (não todas, vejam bem!) que tem feito. Poderia mentir. Dizer que VOTEI e VOTAREI na senhora. (Não gosto destas firulas!). Não sou (e nem de ser gosto) falso. Não gosto de pessoas vira-folha. Gente sem personalidade que fica agradando para colher benefícios. (E olhe, presidenta, que, como todo mundo, preciso, e muito, destes benefícios!). Sou HOMEM o suficiente para DIZER NA CARA o que penso; goste quem gostar, doa a quem doer. Não sou MISS SIMPATIA para sair por aí agradando a gregos e troianos. Digo, na cara deste ou daquele, que simpatizo ou antipatizo; e, quando eu não gosto, nem olho na cara. O Brasil - por ser a funcionária pública número UM - lhe deve respeito. E não lhe vaiar. Não gostou? Não vote. Mas, vaia - é como eu já disse: "... a TROMBETA DA DESGRAÇA". Vá ao Maracanã. A senhora é DILMA ROUSSEFF... fáz parte da HISTÓRIA do BRASIL. (SINAL VERDE)
..... do jeito que as coisas estão se desenrolando - com tantas surpresas e várias zebras acontecendo - certamente o sono da Seleção Brasileira (ou não seria insônia?), ao invés dos famosos carneirinhos, está sendo embalado pelas (atuais) famosas zebrinhas. E - Deus queira que não! - se o BRASIL (também) perder como as demais GRANDES SELEÇÕES, vai ser um verdadeiro zoológico. (Se é que me entendem!). SOMOS GRANDES. E tomara - nesta COPA de 2014 - que não conheçamos o nosso lado PEQUENO. Os próximos capítulos responderão se o elenco dirigido por FELIPÃO estará jogando um bolão mesmo. (SINAL VERDE)

                                                                                                   RENÉ SANFERR, 25.06.2014

EU MOSTRO A VIDA COMO ELA É.
E NÃO COMO VOCÊ OLHA E ELA NÃO É.

"Se ninguém não viu, é muito fácil, para desmoralizar, se dizer que alguém pediu". - SANFERR, 20.09.2010
"Se hoje você se sente alguem diante de todo mundo, é melhor deixar de ingratidão e ter noção que deve muito a quem fez você deixar de ser ninguém". - SANFERR, 21.06.2014
"Para uma pessoa bem esclarecida um recado bem dado é muito melhor do que uma carta recebida". - SANFERR, 10.12.2004
"Por uma falta de alerta é que todo mundo não desperta para um assunto". - SANFERR, 10.01.2007
"O dinheiro que hoje você tem na mão amanhã pode lhe faltar até para comprar o pão. Porque o emprego que hoje você tem, amanhã poderá ser de outro alguém". - SANFERR, 05.09.2009
"Deus prefere a antipática sinceridade do que a falsidade simpática". - 10.06.2014
"Quem mais se diz honesto para os outros, este é o mais desonesto ás costas de todos". - SANFERR, 14.06.2014
"Se existisse honestidade, não existiria tanta falsidade". - SANFERR. 14.06.2014
"Só dá para tudo de ruim, quem não é capáz de fazer nada de bom". - SANFERR, 03.10.2005
"É com o que hoje provar que sabe criar que amanhã você poderá mostrar o quanto merece ganhar". - SANFERR, 01.05.2014
"Cachaceiro só fica satisfeito quando está bêbado". - SANFERR, 10.02.2000
"Só vai até o fim quem tem talento nato e não fabricado". - SANFERR, 27.10.2011
"Só não pode esperar a sua hora chegar, quem vive e vai morrer apenas para se empregar sem nada de diferente criar. E pode aguardar o seu dia chegar, quem nasceu para ser genial e, com o seu trabalho, vai morrer comentado como sendo o diferencial". - SANFERR, 09.10.2009
"Não seja mais um à falar de todo mundo. Seja um que todo mundo vai falar". - SANFERR, 22.06.2014
"Se você souber um dia algo de relevante criar, pode esperar que, no resto dos seus dias, como sendo um homem importante de você vão falar". - SANFERR, 20.06.2014
"Só chama a atenção de todo mundo quem sobre si chama a atenção do mundo todo". - SANFERR, 22.06.2014
"Goste de esfregar na cara de quem olha no espelho e não consegue se enxergar, tudo àquilo que enxerga não ser capáz de aceitar, justamente por tudo àquilo que consegue olhar não ser capáz de admirar". - SANFERR, 02.01.2011
"O homem que não faz nada de útil para ser admirado por ter vivido, deve ser comentado como inútil por não ter feito nada de valorizado ao ter morrido". - SANFERR, 02.11.2013
"Se cem lhe invejar agradeça aos cem por lhe criticar. Por que pior do que ser criticado, é não ser um homem invejado". - SANFERR, 29.11.2012
"Futebol não tem quem fala muito ou fala pouco. Tem é jogador que joga muito e outro que joga pouco. E a zebra no meio para fazer graça com a cara de todos". - SANFERR, 20.06.2014
"Não se diga minha amiga tentando me enganar, se, pelas minhas costas, você se mostra minha inimiga e não vai faltar quem venha me contar". - SANFERR, 09.06.2014
"Pior do que sonhar com um futuro, é contar apenas com o que se tem no presente". - SANFERR, 29.10.1996
"Nada me deixa mais orgulhoso do que saber que o mundo todo lê o que escrevo e me considera talentoso". - SANFERR, 19.06.2014
"A antipatia por uma pessoa fáz da mentira a sua cria". - SANFERR, 10.06.2008
"Bastou não simpatizar, cria-se uma mentira para desmoralizar". - SANFERR, 08.09.2010
"A pior ingratidão é uma pessoa sem noção que não fáz questão de não lembrar o quanto a outra se anulou para lhe sustentar, deixou até de usar e abusar para esta pessoa luxar. E hoje, se ela está aonde está, devia se lembrar de quem lhe ajudou a alguém se tornar". - SANFERR, 21.06.2014
"Prefira ser agradável a dez pessoas sinceras do que a cem amigos falsos". - SANFERR, 13.06.2014
"Não existe pessoa mais falsa do que áquela que a todos agrada". - SANFERR, 19.12.2012
"Quem mais diz que não se mete na vida de todos, é quem mais na vida de todos se intromete". - SANFERR, 09.06.2014
"Todo mundo vai falar maldosamente de você, se tudo que todo mundo não vai gostar de ouvir você costuma claramente ao mundo todo mostrar". - SANFERR, 17.01.2009
"Tudo na sua vida amanhã não será como hoje, se hoje você fizer tudo para ter um amanhã". - SANFERR, 09.09.2013

                                                                                              RENÉ SANFERR, 25.06.2014

ATENÇÃO
 AGRADEÇO AS CONTRIBUIÇÕES E PEÇO QUE CONTINUEM FAZENDO DOAÇÕES AO BLOG.
                  ASSIM COMO O JORNALISTA FUNCIONÁRIO DE JORNAL, O BLOGUEIRO-COLUNISTA, EM TODAS AS PARTES DO MUNDO,
                     EM VÁRIOS SITES E BLOGS, VIVE DO QUE ESCREVE, O SEU TRABALHO VIRTUAL É O SEU GANHA-PÃO.
   SEM NENHUM VÍNCULO EMPREGATÍCIO.
 DEPOSITE NA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL.
CONTA O1:
Caixa Econômica Federal                                   -               Av. Estados Unidos, SALVADOR-BAHIA
Agência    -    0063                                                            Conta: 023-00012630-9
CONTA 02:
Caixa Econômica Federal                                   -               Relógio de São Pedro, SALVADOR-BAHIA
Agência    -    1416                                                             Conta: 013-00099159-3
CONTATOS:
e-mail: rsanferr@globomail.com
fone  : (71) 82659332
home-page: HTTP://SANFERRPRESS.BLOGSPOT.COM
novo blog  :  HTTP://SANFERRARTSCRIPT.BLOGSPOT.COM

  P    A     T     R     O     C     Í     N     I    O

4 comentários:

  1. SE DESTA VEZ O BRASIL NÃO GANHAR, NÃO VAI GANHAR MAIS NUNCA.
    CÉSAR

    ResponderExcluir
  2. Não tem como o Brasil não ganhar. André, de Sampa.

    ResponderExcluir